quinta-feira, 26 de abril de 2007

Estações

Com a chegada da primavera o meu pensamento ocupou-se com o amor que paira no ar.
Ouvindo os pássaros a cantar imagino que não só eles encontram o seu par como também um me há-de encantar.
E paira a magia desta estação que nos desperta a paixão e ponho-me a pensar na mulher que não consegui encontrar.
Aquela que me faz estremecer com o olhar e com uma palavra deita por terra todas as minhas convicções. A que fará de novo nascer em mim esse sentimento que tortura e se apazigua com uma simples carícia. Alimentar-me-á o desejo enquanto este lhe for desconhecido até que rendida e aninhada nos lençóis do meu amor se assustará com o tanto que tenho para lhe dar.
Rapidamente chegará o verão e com ele o calor que substituirá o do abraço antes tão procurado.
Com um pouco de sorte estarei demasiado cega para ver a distância instalar-se entre nós e continuarei a dar-me incondicionalmente esperando simplesmente que, mais do que eu, ela abra os olhos para ver.

9 comentários:

thunderstorm disse...

Comprendo o que dizes, sabes disso, o grande problemas é que hoje em dias as pessoa são futeis, vazias e usam a desculpa de n ter tempo... ficam sem ter tempo para nada... nem para conhecerem pessoas.
Tu és uma pessoa fantástica, mas é preciso tempo para te conhecerem realmete, eu lembro-me que no inicio para mim foi muito dificil entender-te, conhecer-te... mas hoje tou rendida e Adoro-te.

thunderstorm disse...

Hoje em dia as pessoas estão cada vez mais futeis...Vazias.
Usam a desculpa de n terem tempo, não têm tempo para nada... nem para conhecer pessoas, quando digo conhecer é conhecer mesmo!
Tu és uma pessoa que precisa de tempo para se dar a conhecer, és um labirinto e isso por vezes assunta as pessoas, pk existe sempre a possibilidade de uma pessoas se perder :-)
Eu falo por mim, no inicio eu tive imensa dificuldade em entender-te e ainda foi mais dificil conhecer-te, perdi-me algumas vezes no teu labirinto, mas como sou teimosa não desisti e encontrei-te! E foi e é muito bom conhecer-te.
Um enorme beijo!

mystique disse...

És sempre a mesma sm, entregas-te de corpo e alma sem exigir nada em troca. Quanto amor dás sem nada receber. Isso inquietava-me principalmente quando te via sofrer pelos cantos sem nunca pronunciar uma única palavra, agora sei que sem essa dor não és feliz.

micati disse...

o ser humano é demasiado complexo. Mas não parece ser lógico que as pessoas se afastem no verão, mas sim à chegada do Outono ou Inverno, tempos de degradação. Precisamente, no calor do Verão, as hormonas ainda tomam conta de tudo e todos. É sim no Outono\Inverno que o pensamento volta e também os contras dos amores.
Resumindo: a unica diferença no nosso ponto de vista é que as pessoas não se afastam no Verão, pois muito pelo contrário têm tendencia a unir se mais.

Thunderstorm, eu tou como tu há uns anos atrás... labirintos atrás de labirintos. Estas duas (mystique e sm) são mesmo complicadas não são?

thunderstorm disse...

Não são romanticas, das coisas simples fazem uma tsunami, bem mas concordas comigo que a sm, é a pior.
Nunca vi nada assim... Mas cá estamos nós para as ouvir e receber as ammarguras de braços abertos.

sm disse...

micati,
Muito pelo contrário o verão não une as pessoas mas simplesmente os desconhecidos. Abre em nós as portas da fantasia e afasta-nos do que é real e garantido. O calor exige que nos aqueçam a alma ao mesmo nível da pele. No inverno sentimo-nos bem por pura e simplesmente termos alguém que nos aqueça os pés.

micati disse...

thunderstorm,
mas pelo que percebi, além de mais complicada, a sm parece ser a mais acessivel, na verdade ainda não tive oportunidade para distinguir muito bem as duas, mas isso é outra conversa.
alias conheci 1º a sm, e aos poucos que fui subentendendo a mystique. neste momento são uma amalgama pois nao sei muito bem com qual estou a falar em cada dia

sm,
pois... tavamos a referir-nos ao mesmo por meios diferentes. mas pareces falar de um ciclo, não será exagero tudo ir e vir tão depressa? ou achas que por vezes "o verao se prolonga", nao nos deixando desatar das fantasias?

thunderstorm disse...

Eu já consigo olhar nos olhos e ver qual é que me está a entrar pela porta de casa a dentro. Mas deixa-me que te diga micati eu e sm temos valentes pegas, por vezes sou uma besta, mas éxistem dias k tem mesmo que ser assim. Tu sabes disso sm, eu odeio quando tu parece que gostas de sofrer.
BEijos

sm disse...

Querida thunderstorm,
não gosto de sofrer mas o sofrimento ajuda-me a sentir viva.